Malásia

Langkawi foi o destino que escolhemos para passar a virada de ano. Em comparação com seus vizinhos a Taiândia e a Indonésia, Langkawi é  menos popular entre os destinos como Phuket e Bali, é bem pouco conhecido pelos brasileiros.

Braileiros não precisam de visto pra entrar na Malásia, inclusive acho que foi a imigração com o procedimento mais rápido que já fiz, nem formulário algum você precisa preencher.

Langkawi não é muito procurado por estrangeiros, apesar de estar aumentando a procura ano a ano, mas é muito popular entres os Malaios grande maioria dos turistas lá. Por isso foi o meu destino escolhido, queria algo novo e com menos informaççoes, sabia que iria ser inesquecível.

Também conhecida como a Jóia de Kedah. Langkawi, que significa em Malaio, águia marrom avermelhada. Possui uma enorme estátua de uma águia no Jeety Point, porto de onde sai a maioria dos Ferrys da ilha. Langkawi é a maior ilha de um arquipélago formado por 99 ilhas, também conhecida como ilhas das lendas.

Diz a lenda que Mahsuri, uma linda mulher foi condenada a morte por uma falsa acusação de adultério e no seu último suspiro amaldiçoou a ilha dizendo que nada ali prosperaria por 7 gerações, e estranhamente após isso Langkawi nunca prosperou sendo inclusive atacada e invadida pela Tailândia e depois na segunda guerra mundial pela inglaterra. Até que 1986 já em poder novamente dos Malaios foi declarada a ilha como Duty-free afim de torna-la turística, e coincidentemente foi o ano em que nasceu o filho da sétima geração de Mahsur,i que haviam fugido para a Tailândia. Na ilha a tumba de Mahsuri é um dos locais turísticos para visita.

A religião oficial na Malásia é a Islã com mais de 60% da população. Caso alguém mude de religião foi determinado que não a considere Malaio, porém a legislação determina liberdade religiosa.

Foi meu primeiro contanto em um país Islã, é claro o choque cultural sempre acontece. É estranho ver tantas mulheres com a cabeça coberta pelo lenço, em qualquer lugar que seja, até mesmo dentro da água na praia e seus marido bem a vontade de bermuda e chinelão. É óbvio o receio que temos, pois a mídia transformou esse povo em terroristas e hostis, mas nada disso, ao invés disso descobri um povo discreto, simpático, sorridente e até muito tímido.

Bem diferente da Tailândia por exemplo, onde os comerciantes fazem de tudo para você comprar, te puxam pelo braço, vão insistindo pelos descontos, choram, fazem drama, o povo malaio é muito discreto e aguardam você chama-los para ser atendido, não insistem e dão descontos timidamente.

As diferenças culturais nos enriquecem quando elas são respeitadas

É fácil entender porque a Malásia é menos procurada. A religião Islã não permite o consumo de álcool, países como os Emirados Árabes não permite nem a venda. Em Langkawi se encontra mas não em todos os lugares, nos Duty-free  é fácil encontrar mas em pequenas lojas quando encontra, encontra-se apenas cerveja de forma bem discreta, e também não há muitos bares só restaurantes. Bem diferente de Phuket que é repleto de bares, boates, prostitutas na rua…

Sendo por isso um ótimo destinos para famílias com filhos, que é a grande maioria dos turistas lá, vi muitas famílias.

As praias mais famosas de Langkawi são Pantai Cenang e Pantai Tengah. Apesar das águas não serem azuis e transparentes, as praias são muito boas, não são lotadas, tem bons restaurantes, um lindo por do sol, muitas atividades aquáticas. Trinta minutos de Jet Ski por 3500 ienes sem precisar habilitação, vale apena curtir. Caminhadas na praia é obrigatório, pois ela é longa e a paisagem das ilhas próximas é fascinante.

Por do sol em Pantai tengah

A comida na malásia é muito boa e muito mas muito barata, os preços são ótimos por ser um lugar turístico e alta temporada. S você não tiver muitas restrições, pode comer um Nasi Goreng Ayam(Fried Rice com frango) não sai por mais de 150 ienes, e coma sem preguiça é uma delícia!rsrs

Nasi Goreng Ayam

Se você gosta de comidas mais sofisticadas há todo o tipo de restaurante que você quiser. Não se preocupe você não passará aperto, pois as brands mais famosas estão lá como a Macdonalds, Starbucks…

Eu recomendo que experimente a cozinha Malaia, é muito parecida com a Tailândia mas muito saborosa e claro muitos frutos do mar.

Sem contar as frutas exóticas do Sudeste asiático. Lá encontrei uma fruta que ainda não conhecia chamada em inglês por, Banana snake fruit, doce e deliciosa, com sabor indescritível se você gosta de frutas, experimente!!

Há vários restaurantes árabes não deixe de comer pelo menos uma vez, não vai se arrepender.

Banana snake fruit

As Lindas águas verdes esmeralda

Oque mais me impressionou no passeio as ilhas de Langkawi foi a cor das águas. Normalmente quando pensamos em praias de águas cristalinas pensamos nelas azuis, mas em Langkawi elas são verdes e literalmente esmeralda.

Nosso primeiro passeio para as ilhas foi para a ilha de reserva ecológica de Pulau Payar, é uma pequena ilha com apenas 2 praias, uma paisagem fantástica. Lá você recebe um kit de snorke e pode nadar entre os corais e alimentar os peixes, infelizmente não pegamos um tempo muito bom, a maré estava alta e havia poucos peixes nos corais, o  mar estava bem agitado, mas em tempo favorável você consegue nadar até com vários filhotes de tubarões, e muitos peixes.

Na ilha ainda você pode subir uma escada de 253 degraus e ir ao topo da montanha no meio da mata e ter uma bela vista lá de cima.

Outro passeio  bem famoso lá é chamada de Hopping Island. São 4 horas apenas de passeio mas passa por vários lugares. O primeiro lugar, um Lago de água doce em uma das ilhas que leva o nome de, O Lago da Virgem Grávida, porque a montanha que a cerca possui o formato de uma mulher grávida deitada. Nesse  lago você pode nadar ou andar de pedalinho.

Por fora da ilha no mar, da pra ver o formato de uma mulher grávida atrás das montanhas está o  lago.
já aqui é o lago olha a montanha ai pelo lado de dentro, incrível paisagem

Após a visita ao lago fomos ver as águias marrons, os guias jogam peles de frango e elas em um rasante na água pegam para comer.

 

Última parada nas ilha de Beras Basah e mais uma vez a impressionante cor das águas. A ilha tem muito macacos que você pode dar comida, mas o melhor de lá é a vista!!

Um lugar imperdível é subir na montanha Gunung Mat Chinchang  pelo Cable car e ter a vista de toda ilha de Langkawi. O mirante está a 700 metros de altura, e lá encima está uma das pontes mais impressionantes do mundo, considerada uma arte da engenharia, a Sky Bridge.

Sky Bridge
Vista incrível de toda ilha

A Virada de Ano

Como a ilha foi invadida ela adquiriu alguns costumes da Tailândia, como soltar balões antes da virada, e não diferente, a noite fica incrível, e claro não podia faltar o show de fogos. Mas oque mais me chamou a atenção é que os Malaios são muito animados, vários grupos na areia formam suas rodinhas para dançar e celebrar o ano novo.

Tradição herdada da Tailândia
Adicionar legenda

Conhecer um pedaço da Malásia foi muito gratificante, uma cultura bem diferente , comida boa, um povo discreto e educado e não menos festeiro, mais memórias pra minha coleção…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s